CristaoRico.com.br / Geracao de riqueza a luz da Biblia

9 princípios bíblicos sobre Finanças

7 de setembro de 2016

Neste artigo especial falaremos de 9 princípios bíblicos sobre finanças que podem mudar sua vida financeira para sempre.

Estes princípios revelam instruções importantes que Deus nos deixou sobre como conduzir nossa vida financeira.

Muitos cristãos, confundidos por ensinamentos “bíblicos” distorcidos, têm negligenciado os ensinamentos financeiros que Deus nos deixou para uma boa administração das finanças.

Se tivéssemos que resumir sobre 2 coisas básicas que Deus espera de nós seriam:

1. Busca e adoração

Deus quer que nosso coração esteja em primeiro lugar nEle, com Ele e para Ele.

A Bíblia chega a nos dizer que o Espírito Santo tem ciúmes de nós.

Lembre o primeiro mandamento que Deus nos deixou: “Amar a Deus sobre todas as coisas”

Ele tem como prioridade ser adorado pelos Seus filhos.

Portanto qualquer coisa que ocupe o lugar dEle em nosso coração, ou que ainda nos distraia de Sua direção, estará automaticamente nos  afastando de Deus.

O homem com dinheiro e sem comunhão com Deus, se torna mais propenso às distrações e passa a se achar mais autossuficiente.

Aí está o grande perigo…O Cristão Rico não pode perder o foco, e o foco é Jesus!

Todas as advertências sobre cuidados com o dinheiro que vemos na Bíblia, estão direta ou indiretamente ligados à este primeiro mandamento.

2. Temor e obediência

Acreditamos que uma das principais obrigações do Cristão é o temor e a obediência a Deus, e isso vale também para a área financeira.

Os 9 princípios financeiros que abordaremos abaixo, são reais e refletem nossa obediência e temor aos Seus ensinamentos:

1) Deus é a fonte

O primeiro princípio que cremos é o de que Deus é nossa fonte.

A Bíblia é muito clara sobre isso, já exploramos muito sobre o assunto em nosso Ebook: 14 razões de Deus para te querer rico.

Abaixo alguns versículos adicionais que confirmam este princípio:

“E o meu Deus, de acordo com as gloriosas riquezas que ele tem para oferecer por meio de Cristo Jesus, lhes dará tudo o que vocês precisam.” – Filipenses 4:19

“Eu ando no caminho da honestidade e sigo os passos da justiça, dando riqueza aos que me amam e enchendo as suas casas de tesouros.” – Proverbios 8:20-21

“E Deus pode dar muito mais do que vocês precisam para que vocês tenham sempre tudo o que necessitam e ainda mais do que o necessário para fazerem todo tipo de boas obras.” – 2 Corintios 9:8

Aqui devemos refletir: se Ele é nossa fonte, porque será que alguns cristãos possuem problemas financeiros?

A resposta na maioria das vezes é negligência e desobediência.

2) A importância da doação

O segundo princípio que abordaremos aqui, e também abordamos em nosso Ebook,  é o princípio da doação.

O cristão rico é um canal de bênçãos.

Um canal é como um rio que leva água de um ponto a outro.

Inagine um canal, ou um rio…

ENTRA muita água em um rio, não é mesmo?

Mas também…SAI muita água….

Ainda assim…SEMPRE existe muita água no rio.

Nunca falta água no rio, não é verdade?

Assim é a vida financeira do Cristão Rico!

Entenda isso…

Você não é um reservatório de dinheiro….

Você é um canal, um canal de bênçãos na vida de outras pessoas.

“Deem aos outros, e Deus dará a vocês. Ele será generoso, e as bênçãos que ele lhes dará serão tantas, que vocês não poderão segurá-las nas suas mãos. A mesma medida que vocês usarem para medir os outros Deus usará para medir vocês.” – Lucas 6:38

Em Deuteronomio 14:23 aprendemos que umas das propostas do dízimo é o de ensinar o povo de Deus a colocar Deus sempre em primeiro lugar de suas vidas:

“Todos os anos juntem uma décima parte de todas as colheitas, e levem até o lugar que o Senhor, nosso Deus, tiver escolhido para nele ser adorado. Ali, na presença do Senhor, nosso Deus, comam aquela décima parte dos cereais, do vinho e do azeite e também a primeira cria das vacas e das ovelhas. Façam isso para aprender a temer a Deus para sempre.” – Deuteronômio 14:23

E quando falamos de colocar Deus em primeiro lugar, devemos refletir como está nosso tempo de busca a Deus em oração.

Muitos cristãos, dão seu dízimo, frequentam a igreja e até trabalham para Deus em seus ministérios, mas têm se distraído em suas rotinas e deixam de buscar a Deus em oração.

Ele não quer em primeiro lugar seu dízimo…ou seu trabalho…

Ele quer em primeiro lugar seu coração, seu tempo e sua adoração, e depois sim, suas primícias como um reflexo disso.

Veja o que diz provérbios 3:9 :

“Adore a Deus, oferecendo-lhe o que a sua terra produz de melhor. Faça isso, e os seus depósitos ficarão cheios de cereais, e você terá tanto vinho, que não será capaz de armazenar.”

3) Não gaste suas sementes.

O terceiro princípio financeiro é sobre guardar as sementes financeiras que Deus coloca em suas mãos.

Não gaste mais do que você ganha!

Faça um, orçamento de forma que sobre pelo menos 20-30% do valor que você ganha.

Estas sobras,  serão as sementes que você usará para multiplicar,  de acordo com a lei da multiplicação.

Veja o que a Bíblia nos diz sobre gastar mais do que se ganha:

“O homem sensato tem o suficiente para viver na riqueza e na fartura, mas o insensato não, porque gasta tudo o que ganha.”
‭‭Provérbios‬ ‭21:20‬ ‭

Depois dessa palavra não precisa dizer mais nada, né?

Faça agora mesmo seu orçamento de forma que você gaste menos do que ganha.

Como se diz no mundo de Finanças:

“Não importa quanto você ganha, mas sim quanto te sobra no final do mês”.

Se você ganha R$1000 mas gasta R$700, te sobram R$300.

Neste caso você estaria melhor financeiramente do que alguém que  ganha R$20mil mas gasta todos os R$20mil e não lhe  sobra um real.

4) A lei da multiplicação

As sementes financeiras que te sobram, são para ser multiplicadas.

Portanto você deve semeá-las de forma que elas te gerem frutos multiplicados deste dinheiro.

Veja aqui artigo sobre a lei da semeadura

Veja aqui também o ensinamento completo sobre a Lei da multiplicação.

Aplicando a lei da multiplicação você estará fazendo seu dinheiro trabalhar para você.

Voltando ao exemplo da pessoa que guarda R$300 por mês. Se ela aplicar em um simples investimento, ao final de 5 anos colherá em torno de R$25mil.

Este é o poder da multiplicação das sementes!

APRENDA MAIS SOBRE INVESTIMENTOS <<CLIQUE AQUI>>

5) Fique longe de dívidas

Fique longe de dívidas financeiras, na maioria das vezes elas são armadilhas que podem te levar a um enorme prejuízo ou até te levar à ruína.

Veja alguns versículos sobre dívidas:

“Os ricos mandam nos pobres, e quem toma emprestado é escravo de quem empresta.” – Provérbios 22:7

“Os maus pedem emprestado e não pagam, mas os bons são generosos em dar.” – Salmos 37:21
‭‭

Suponha que a mesma pessoa que guarda R$300 por mês, decidisse gastar o dinheiro, e ainda pegar emprestado do banco R$300 por mês no cheque especial todos os meses para cobrir suas despesas.

Ao final dos mesmos 5 anos, com taxas de juros de cheque especial em torno de 10% ao mês, esta pessoa deveria nada mais nada menos do que R$910mil ao banco.

Ou seja, uma dívida praticamente impagável, de quase R$1milhão, para uma pessoa que ganha R$1mil por mês.

Dívidas em um primeiro momento parecem confortáveis,  mas na grande maioria das vezes podem ser um laço para te arruinar financeiramente.

6) O segredo do contentamento

Sucesso financeiro, não é disputa. Sempre haverá alguém mais rico do que você.

Contente-se  com o que você tem.

Este é o melhor antídoto contra a ganância!

Veja Hebreus 13:5

“Não se deixem dominar pelo amor ao dinheiro e fiquem satisfeitos com o que vocês têm, pois Deus disse: “Eu nunca os deixarei e jamais os abandonarei.”

Veja que está é uma das muitas advertências bíblicas contra o AMOR ao dinheiro e a ganância.

Afaste-se da ganância e contente-se com o que Deus coloca em suas mãos.

Mas…

Obedeça a Ele nos outros princípios e provavelmente você se tornará rico, mesmo SEM amor ao dinheiro e SEM ganância.

Muitos confundem boa administração financeira com ganância, avareza e amor ao dinheiro.

Entendem que para evitar tudo isso basta ser negligente financeiramente.

ESTÁ MUITO ERRADO!

Sendo negligente financeiramente você não só está desobedecendo a Deus como está desonrando o Seu Santo nome, dando um mau testemunho como cristão.

Fazer um orçamento, gastar menos do que ganha, buscar investimentos para multiplicar suas sementes financeiras, são nossas obrigações. Você pode e deve fazer!

Lembre-se, a diligência financeira é um sinal de obediência a Deus.

7) Faça um orçamento e registre tudo

Fazer um orçamento e registrar todos os gastos para acompanhar sua vida financeira, pode ser chato.

Mas é nosso dever!

Lembre que o dinheiro que Deus coloca em suas mãos não é seu, é dEle, portanto você deve saber administrá-lo de forma responsável.

“Se um de vocês quer construir uma torre, primeiro senta e calcula quanto vai custar, para ver se o dinheiro dá.”
‭‭Lucas‬ ‭14:28‬

“Com a sabedoria se constrói o lar e sobre a prudência ele se firma. Na casa da pessoa sábia os quartos ficam cheios de coisas bonitas e de valor.”
‭‭Provérbios‬ ‭24:3-4

8) Trabalhe duro mas principalmente com inteligência

Veja o que a Bíblia nos ensina sobre trabalho:

“Quem trabalha tem com o que viver, mas quem só conversa passará necessidade.”
‭‭Provérbios‬ ‭14:23‬ ‭

Entendemos aqui que quem trabalha não passará necessidade, mas também não terá fartura.

Agora veja um versículo sobre trabalho com inteligência:

“Quem cultiva a sua terra tem comida com fartura, mas quem gasta o tempo com coisas sem importância sempre será pobre.”
‭‭Provérbios‬ ‭28:19‬

Veja que quem cultiva sua terra, quem semeia, quem planta as sementes e as multiplica, este tem fartura.

Muitos se enganam achando que para ficar rico basta trabalhar duro,  mas não!

Temos que trabalhar de forma inteligente, cultivando nossas terras e visando a multiplicação de nossas sementes.

Somente assim teremos fartura.

GANHE DINHEIRO NA INTERNET <<CLIQUE AQUI>>

9) Procure o conselho de Deus

Ao longo de nossa vivência como empresários, pudemos perceber o quanto é importante buscar a direção de Deus nas tomadas de decisões.

Muitas vezes a compra de um bem que nos parece uma benção, pode se tornar uma maldição.

Como exemplo: a compra de um simples prego sem a confirmação de Deus, pode trazer consequências perigosas.

Este mesmo prego pode enferrujar, machucar, e até te causar tétano no futuro.

Quem sabe do futuro além do Todo Poderoso?

Por isso aconselhamos por experência própria que você sempre busque a confirmação de Deus em oração para todas as suas decisões financeiras.

Antes de comprar um imóvel, fazer um financiamento, ou comprar algo, busque sempre o conselho de Deus.

Só Ele pode te livrar das armadilhas e te dar o melhor conselho.

Veja o que diz a Bíblia sobre isso:

“Felizes são aqueles que não se deixam levar pelos conselhos dos maus, que não seguem o exemplo dos que não querem saber de Deus e que não se juntam com os que zombam de tudo o que é sagrado!”
‭‭Salmos‬ ‭1:1‬

Este Salmo declara que feliz é o homem que não se deixa levar pelo conselho do homem mau.

Mas…

“Sem conselhos os planos fracassam, mas com muitos conselheiros há sucesso.”
‭‭Provérbios‬ ‭15:22‬

Em provérbios 15:22 aprendemos que precisamos de conselhos para que nossos planos não fracassem.

Quem poderia nos dar conselhos melhor do que o nosso Deus que sabe de todas as coisas?

 

Siga estes princípios bíblicos sobre Finanças e você verá a graça de Deus sobre sua vida e desfrutará de Sua recompensa por obedecê-lo e temê-lo!

Sucesso!

APRENDA MAIS SOBRE A BÍBLIA <<CLIQUE AQUI>>

GANHE DINHEIRO NA INTERNET <<CLIQUE AQUI>>

Ah…e não deixe de ler estes artigos para melhorar sua inteligência financeira:

Como investir em imóveis

Renda passiva com marketing de afiliados

Top 12 maneiras de gerar renda passiva

O que é independência financeira e como conquistar

Dinheiro dá em árvore, sim! 

Vale a pena Investir na Poupança?

Renda passiva com marketing de afiliados

Como investir em imóveis?