CristaoRico.com.br / Geracao de riqueza a luz da Biblia

4 obrigações dos ricos para com os pobres

1 de setembro de 2016

Neste artigo abordaremos 4 obrigações dos ricos para com os pobres:

 

1) Doar aos pobres e tratá-los com justiça (Mateus 25 34-40)

“Então dirá o Rei aos que estiverem à sua direita:

Vinde, benditos de meu Pai, possuí por herança o reino que vos está preparado desde a fundação do mundo;


Porque tive fome, e destes-me de comer; tive sede, e destes-me de beber; era estrangeiro, e hospedastes-me;
Estava nu, e vestistes-me; adoeci, e visitastes-me; estive na prisão, e foste me ver.


Então os justos lhe responderão, dizendo:

Senhor, quando te vimos com fome, e te demos de comer? ou com sede, e te demos de beber?
E quando te vimos estrangeiro, e te hospedamos? ou nu, e te vestimos?
E quando te vimos enfermo, ou na prisão, e fomos ver-te?

E, respondendo o Rei, lhes dirá:

Em verdade vos digo que quando o fizestes a um destes meus pequeninos irmãos, a mim o fizestes.”

 

2) Não processar ou prejudicar os pobres ou qualquer irmão em nenhuma hipótese (1 Coríntios 6 1-9)

“Ousa algum de vós, tendo algum negócio contra outro, ir a juízo perante os injustos, e não perante os santos? 

Não sabeis vós que os santos hão de julgar o mundo?

Ora, se o mundo deve ser julgado por vós, sois porventura indignos de julgar as coisas mínimas?


Não sabeis vós que havemos de julgar os anjos? Quanto mais as coisas pertencentes a esta vida?


Então, se tiverdes negócios em juízo, pertencentes a esta vida, pondes para julga-los os que são de menos estima na igreja?

Para vos envergonhar o digo. Não há, pois, entre vós sábios, nem mesmo um, que possa julgar entre seus irmãos?

Mas o irmão vai a juízo com o irmão, e isto perante infiéis.

Na verdade é já realmente uma falta entre vós, terdes demandas uns contra os outros. Por que não sofreis antes a injustiça? Por que não sofreis antes o dano?


Mas vós mesmos fazeis a injustiça e fazeis o dano, e isto aos irmãos.

Não sabeis que os injustos não hão de herdar o reino de Deus?”

 

3) Não tirar proveito de nenhuma desgraça alheia (Provérbios 17:5)

“Desprezar os pobres é insultar Deus, que criou todos os homens. Não ficará sem castigo aquele que se alegra com a desgraça alheia.”

 

4) Dar dignidade “ensinando a pescar”

O pobre, assim como o próspero, tem a responsabilidade de seguir as orientações que Deus nos deixou em Sua Palavra. Isso vale também para a área financeira, Deus não faz acepção de pessoas mas faz acepção de atitudes.

O pobre deve verificar o que a lei diz com respeito a sua condição. É possível que sua pobreza seja reflexo de sua falta de conhecimento ou falta de persistência em seguir as orientações que Deus nos deixou com relação a trabalho produtivo, economia e planejamento financeiro.

Veja o que diz Oseias 4:6

“O meu povo foi destruído, porque lhe faltou o conhecimento; porque tu rejeitaste o conhecimento, também eu te rejeitarei”

Existem formas de o próspero dar dignidade ao pobre para que saia do ciclo de pobreza.

Entendemos que o empresário que Deus abençoou com abundância de recursos pode treinar o inexperiente e até oferecer empréstimos com objetivo de ajudar em seu desenvolvimento.

O pobre,  não é ajudado apenas com doações  para que coma ou que se vista, mas sim conquistando sua dignidade com a instrução bíblica necessária na área do gerenciamento, administração e planejamento de suas finanças.

 

 

Em resumo, a obrigação do cristão para com o pobre não é apenas “doar o peixe” mas principalmente “ensinar a pescar” e tratá-lo com respeito e dignidade, como uma pessoa a imagem e semelhança de Deus.

 

Leia neste post exemplos de homens ricos no novo testamento que honraram os pobres e a obra de Deus:

Ricos no novo testamento

Renda passiva com marketing de afiliados

Se você ainda nao baixou nosso Ebook grátis: 14 razões de Deus para te querer rico faça seu download aqui:

http://cristaorico.com/14-razoes-de-deus-para-te-querer-rico/